O sonho de todo professor e produtor de conteúdo é se tornar um campeão de vendas e autoridade na sua área! Porém, por melhor que seja seu curso e por mais que você use a mais completa plataforma de cursos online, se não tiver uma estratégia de marketing adequada e se não souber vender seu conteúdo, de nada vai adiantar. Para isso, é preciso utilizar técnicas e estratégias de marketing e vendas e ter um bom planejamento para que seu projeto saia do papel, alavanque suas vendas e um negócio de sucesso que seja lucrativo. No artigo de hoje trazemos algumas dicas e técnicas simples que qualquer um pode utilizar para vender seus cursos online:

Segmente o seu público-alvo e fique de olho nele!

Para planejar uma estratégia de vendas e marketing eficiente, você precisa saber exatamente qual o seu público-alvo, para quem quer vender os seus cursos e quem deseja alcançar com a sua estratégia. O que é mais indicado nesse caso é criar uma persona e se fazer algumas perguntas antes de iniciar o seu negócio, como “Para quem eu pretendo vender? “, “Qual a faixa etária dessa pessoa?”, “Que tipo de profissão ele(a) exerce?” e, assim por diante. Coloque tudo isso num documento e sempre que precisar retorne e atualize esse documento, com novas personas ou com características que observou no público que está efetivamente comprando o seu curso. Isso é importante para te guiar em suas outras estratégias e para que foque sempre em quem é o seu cliente ou quem quer de fato alcançar.

Monte sua lista de e-mails, trabalhe com captura

O endereço de e-mail, hoje em dia, é o equivalente ao número de telefone do seu cliente, é aquilo que irá te conectar a ele de forma mais fácil. Mas, assim como o telefone, não é todo mundo que está disposto a distribuir o seu e-mail por aí, para “qualquer um”. Com o e-mail do nosso cliente, podemos criar um relacionamento com ele, assim como mostrar para ele a importância do produto/ serviço que oferecemos, através de conteúdos que engajam. A estratégia aqui é utilizar técnicas em que o seu cliente confie em você para utilizar o e-mail de forma sábia! Algumas formas de fazer isso:

  • Deixe claro o que o seu cliente irá ganhar com preenchimento das informações dele
  • Ofereça conteúdos aos seus clientes em troca das informações dele, como ebooks, infográficos, kits, planilhas e informações relevantes para o aprendizado dele.
  • Crie um formulário simples e não peça informações sigilosas, como RG, CPF e afins.
  • Se comprometa em não encher a caixa de entrada do seu cliente com spams e informações irrelevantes, e leve isso MUITO a sério!
  • Utilize Landing Pages que convertem seus possíveis clientes em alunos.

Invista em Marketing Digital e Marketing de Conteúdo

Na era digital, com tantos produtos, serviços e oportunidades online, é impossível se destacar na multidão sem pensar em Marketing! Por isso. nunca se falou tanto em Marketing Digital e Marketing de Conteúdo quanto nos últimos 2/3 anos. Então leia, veja vídeos, estude e aprenda o máximo que puder sobre Marketing Digital, isso certamente irá te ajudar a ver o seu negócio de forma mais inovadora e te deixará a frente da concorrência. Além de ser algo imprescindível para você alavancar as vendas do seu curso. Para você é muito complicado ou não tem tempo de aprender sobre isso? Invista em uma consultoria ou contrate um profissional que tenha os skills necessários para te ajudar a criar uma estratégia voltada para o Marketing Digital.

Construa sua marca e seja autoridade no assunto

Já fizemos um artigo especificamente sobre branding e identidade de marca aqui. Mas vale lembrar que é extremamente importante que você tenha uma marca bem estabelecida e que o seu público te veja como referência no assunto que quer tratar nos seus cursos. Construa uma marca com a qual o seu aluno irá se identificar e que tenha a ver com os conteúdos que deseja transmitir aos seus clientes. Isso denota profissionalismo e te dá mais autoridade no mundo online.

Monte um funil de vendas

O funil de vendas é a jornada que o seu cliente irá traçar, desde o primeiro contato com o seu negócio, quando ele é apenas um visitante do seu site, até ele se tornar um cliente. E como podemos criar esse funil de vendas? Sugiro que antes de mais nada, pesquise um pouco mais sobre o assunto em blogs que são referência na área. Mas basicamente, você precisa identificar quais etapas que seu visitante irá passar para que ele entenda o seu produto/ serviço, veja a utilidade real para a vida dele e sinta a necessidade de aderir a sua ideia.

Funil-de-vendas

Imagem: Resultados Digitais

  • Visitante, é aquela pessoa que acabou de conhecer o seu negócio e está navegando pelo seu site,
  • Lead é aquela pessoa que demonstra um interesse e interage com o seu conteúdo
  • Oportunidades quando o Lead teve bastante interação com o seu site e tem bastante conhecimento do seu serviço ou produto, a equipe de marketing identifica ele como um Lead pronto para a compra, ou uma oportunidade de negócio.
  • Cliente quando essa oportunidade de negócio se concretiza, então, de fato ele vira um cliente e, a partir daqui, essa pessoa passa a ter outra interação com sua empresa.

Trabalhe o senso de urgência no seu aluno

Em Marketing trabalhamos muito com algo chamado senso de urgência, nada mais é que um gatilho para gerar no cliente a sensação de necessidade iminente pelo seu produto ou serviço. E como fazer isso? Ao contrário do que pode parecer, gerar um senso de urgência no seu possível cliente, nada tem a ver com algo falso ou uma técnica “apenas para vender” o seu produto, mas consiste em ressaltar os pontos positivos do seu curso e qual a utilidade real dele para a vida do seu aluno, o que isso irá mudar na vida dele? A partir disso, utilizamos argumentos de que o quanto antes ele adquirir esse serviço ou produto, melhor será para a vida dele ou, em se tratando do mundo de cursos, o quanto antes ele adquirir esse aprendizado melhor será a vida pessoal/profissional dele.

Tire as dúvidas do seu cliente antes da venda

Acredite, um cliente bem informado é um cliente que verá mais facilmente a proposta de valor do seu negócio e, assim, ele se torna um cliente fiel. Quando se trata de educar e tirar dúvidas do seu cliente, nunca é demais! Se coloque à disposição do seu possível aluno desde o primeiro contato com o seu site, deixe informações relevantes sobre o conteúdo do curso e as condições bem claras logo de início, além disso tenha canais de comunicação onde o seu aluno possa perguntar sempre que necessário. Use também um blog ou um ‘Ajuda’ (FAQ) e alimente com respostas às possíveis perguntas dos seus clientes, se antevenha às dúvidas deles, criando assim uma confiança dele no seu curso e no seu negócio como um todo.

Utilize vídeos o máximo que puder

O mundo de vídeos hoje é o mercado que mais cresce no mundo, as pessoas sempre que precisam de ajuda ou saber algo que não tenham conhecimento, recorrem a tutoriais ou vídeos curtos e explicativos na internet. Todas as áreas de uma empresa podem e devem usar vídeos para comunicar com seus clientes, transmitir conhecimentos relevantes para complementar a educação dele ou mesmo fazer demonstrações de um produto ou serviço. Portanto, invista em vídeos tanto para o seu site quanto em vídeo-aulas, mas você pode também explorar formatos como Webinars, Lives e Conferências Online. Isso te ajuda tanto a educar o seu aluno, como também a trazer novos alunos para o seu curso.

Não perca seu cliente, crie um relacionamento com ele

Leva muito mais tempo para ganharmos um cliente que para perdê-lo, além disso, o custo de adquirir um novo cliente é bem mais alto que um cliente que já vê valor no seu serviço e é fiel a você. Mantenha um relacionamento verdadeiro e forte com o seu cliente, pois isso irá te ajudar não só a mantê-lo fiel ao seu negócio e também trará novos clientes através dele. Um cliente satisfeito é o seu melhor e maior vendedor! Aqui vale lembrar, que eles também são a principal métrica para saber se o seu curso é relevante e bom para o mercado, não apenas para um pequeno grupo de pessoas. Portanto, coloque sempre o seu cliente em primeiro lugar! Pegue feedbacks, ouça suas opiniões e aprenda com isso a melhorar a qualidade das suas aulas e cursos como um todo.

Quer saber mais sobre esse tipo de conteúdo?

Confira na prática! 6 passos para vender seus cursos online