Uma coisa que todo mundo quer hoje em dia é colocar a sua marca sob os holofotes, principalmente dos seus potenciais clientes, sem gastar tanto assim com propaganda e marketing.

No entanto, não há nenhuma fórmula mágica para conseguir isso a curto prazo (e se alguém te prometer isso, desconfie!), ainda assim há algumas estratégias que podem te ajudar a economizar uma grana com marketing e etc.

A principal dessas estratégias é a captação de leads, ou seja, captar possíveis contatos de clientes potencialmente interessados em seu negócio.

 

OK, mas como isso funciona, afinal?!

Sabe aqueles blogs ou sites que pulam um popup na sua frente pedindo para: se cadastrar na newsletter, ficar ligado nas novidades da empresa ou deixando o seu “melhor e-mail” para receber novidades?!

Esses pop ups ou campos de cadastro são parte de uma estratégia de captação de leads (ou clientes em potencial) para trabalhar com remarketing desses contatinhos.

Ainda não respondi suas dúvidas, eu sei… Você ainda está se perguntando como isso funciona exatamente.

Vamos lá!

Através da captação de leads, por mais simples que ela seja, você pode trabalhar com e-mail marketing, marketing de conteúdo, prospecção ativa e outbound marketing.

Isso só para mencionar as técnicas mais utilizadas pelos especialistas de marketing.

 

O que eu preciso ter para captar meus leads?

Primeiro você vai precisar ter um site ou uma página de vendas para vender seus serviços ou produtos.

Alguns e-commerces já oferecem esse serviço dentro da plataforma deles, mas no mercado EAD isso ainda é muito novo e quase inexistente.

Apesar disso, também é possível criar landing pages (páginas de vendas) ou formulários de captação em plataformas que oferecem soluções para gestão de Marketing Digital.

 

Algumas das plataformas mais usadas no Marketing:

 

Mailchimp  

Plataforma de gestão de e-mail marketing, nela é possível criar listas de e-mail para disparo de e-mail marketing e campanhas de marketing digital. Também é possível criar landing pages e ads (anúncios) no Mailchimp.

É uma ótima ferramenta gratuita para até 12 mil mensagens para 2 mil contatos.

 

 

RD Station

O RD ajuda em toda a gestão de marketing digital da sua empresa.

Ele tem funcionalidades que ajudam a gerar e nutrir leads, além de você poder também criar páginas de conversão, landing pages e enviar e-mail marketing para seus contatos.

O RD é uma das mais completas do mercado, mas também uma das mais caras que eu vou mencionar aqui, o valor da mensalidade fica em torno de R$ 400 e pode chegar à R$ 1800 mais ou menos, dependendo do tamanho do seu negócio.

Apesar disso, a RD oferece uma estrutura bem completa para o marketing digital e ainda conta com um time de especialistas que te ajudam a implementar a ferramenta.

 

Active Campaing 

O Active também te ajuda na implementação da ferramenta, porém o ponto negativo, para a maioria das pessoas, é que o suporte deles é totalmente em inglês.

Então se você não fala o idioma, pode ser que tenha dificuldades em utilizá-la à princípio.

Apesar disso, não deixa em nada a desejar para outras ferramentas.

No Active você pode qualificar leads, gerar um fluxo de automação, segmentar e-mails e disparar e-mails marketing conforme gatilhos ativados por você.

O valor do Active varia entre 17 – 249 dólares por mês, quanto mais caro o plano, mais funcionalidades ele te oferece.

 

Essas são algumas das ferramentas que uso ou usei trabalhando nessa área, por isso vou me limitar a falar apenas dessas, mas o blog Resultados Digitais fez uma lista bem completinha sobre esse assunto.

Sugiro também que leia esse texto onde falamos mais sobre leads e funil de vendas.

 

 

Ficou com alguma dúvida? Deixa aqui seu comentário que ficarei feliz em te ajudar.

Coloque seu e-mail para conhecer melhor nossos planos!

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente as informações sobre a Maestrus!